Como Anotar Uma Partida de Xadrez?

Já imaginou como seria difícil registrar e entender partidas históricas e estrangeiras sem o sistema de notação enxadrística que usamos hoje? Pois é, antigamente, quando esse método ainda não existia, grandes enxadristas do passado precisavam descrever passo a passo cada movimento no tabuleiro e era necessário muito tempo para interpretar e entender o que eles estavam dizendo. Foi o que aconteceu, por exemplo, com o mestre espanhol Ruy López, do século XVI, autor de um dos primeiros livros sobre xadrez do mundo.

Felizmente, as coisas foram evoluindo e hoje temos um sistema muito mais eficaz de entender e registrar cada jogada em uma partida de xadrez! Mas será que anotar suas partidas é tão fácil assim? Acreditamos que sim! E para provar isso, vamos mostrar hoje como funciona a notação enxadrística mais usada no mundo. Fique ligado e aprenda como anotar uma partida de xadrez!

 

Dois tipos de notação

Pouco depois do lançamento da obra de Ruy López, enxadristas do mundo todo começaram a pensar em formas mais ágeis de anotar e entender o registro de uma partida. Assim surgiram dois tipos diferentes de notação:

 

Notação descritiva

Nesse primeiro método, o tabuleiro de xadrez era dividido segundo a cor das peças e a posição inicial. Assim, cada coluna tinha o nome da peça que ocupava a primeira linha (por exemplo, QR para Queen Rook, ou a Torre do lado da Dama; e KR para King Rook, ou a Torre do lado do Rei) e as linhas eram numeradas de 1 a 8 na direção das peças adversárias, isto é, de baixo para cima.

O problema é que isso significava que cada casa tinha dois nomes: um para as peças brancas e um para as peças pretas — QR1 para as brancas, portanto, seria QR8 para as pretas.

 

Notação algébrica

Para descomplicar a notação descritiva, o enxadrista otomano Philippe Stamma criou, no início do século XVIII, o que chamamos hoje de notação algébrica. Nesse sistema, as casas do tabuleiro têm o mesmo nome para os dois jogadores: as colunas vão de “a” a “h” (em letra minúscula) da esquerda para a direita e as linhas de 1 a 8, ambos considerando as brancas na extremidade inferior do tabuleiro, ou seja, como se você estivesse jogando com as brancas.

Quanto ao nome das peças, usa-se a inicial de cada uma (em maiúscula), o que pode variar de idioma para idioma. R representa o Rei (em inglês, usa-se um K de King); D representa a Dama (ou Q de Queen); B representa os Bispos (o mesmo em inglês, para Bishop); C representa os Cavalos (em inglês N, para Knight, já que o K já é usado para o Rei) e T representa as Torres (ou R de Rook).

Os peões são identificados justamente pela ausência de letra maiúscula, e nos registros internacionais usa-se o símbolo de cada peça no lugar de sua inicial (como ♞ para Cavalo).

A notação algébrica facilitou tanto a vida dos enxadristas que, em 1971, a FIDE adotou-a como obrigatória em partidas oficiais, e hoje ela é a mais usada no mundo. Por causa disso, vamos continuar nossa explicação falando só da notação algébrica, ok?

 

Quero aprender a jogar xadrez! Conheça o passo a passo!

Minicurso Dominando os Fundamentos Básicos do Xadrez Banner

Subtipos de notação algébrica

A notação algébrica subdivide-se ainda em dois tipos. A primeira é a notação estendida, em que anota-se primeiro a casa em que a peça se encontrava antes do movimento e, depois, onde ela foi posicionada (por exemplo, b2-b4, o que significa que o peão que estava em b2 foi para b4). Já na notação resumida, só se registra a posição final da peça na jogada (no caso do exemplo anterior, só b4).

A notação algébrica resumida é a mais usada, e com alguma prática você vai ver que fica fácil “ler” uma partida de xadrez com velocidade. Afinal, como você sabe exatamente onde cada peça começou, é só acompanhar o caminho que elas vão traçando pelo tabuleiro!

 

Outros símbolos importantes

Além do movimento das peças, outros sinais podem ser usados para registrar o tipo de lance realizado pelo jogador. São eles:

  • + — Xeque;
  • ++ ou # — Xeque Mate;
  • X — captura;
  • +/= — as brancas estão em vantagem;
  • =/+ — as pretas estão em vantagem;
  • +/- —vantagem decisiva das brancas;
  • -/+ — vantagem decisiva das pretas;
  • =/= — jogo equilibrado;
  • ! — boa jogada;
  • !! — excelente jogada;
  • ? — jogada ruim;
  • ?? — jogada péssima;
  • !? — jogada interessante;
  • e ?! — jogada duvidosa.

 

Vale lembrar que, no final, 1-0 significa que as brancas ganharam, 0-1 é vitória para as pretas e ½-½ é empate.

Está vendo que não é tão difícil quanto parece? Pronto para registrar suas partidas de xadrez? Comente contando se ficou com alguma dúvida e baixe nosso e-book sobre noções básicas do xadrez para aprender cada vez mais!

 

 

19 Respostas a “Como Anotar Uma Partida de Xadrez?”

  • Geraldo J F

    Já pensei nisso e em várias coisas, como idioma, arte (música, por exemplo, com sua linguagem especial) que cada uma tem alguns princípios básicos para entendimento geral.
    No Xadrez, sem uma notação comum e de entendimento descomplicado, estaríamos sem a luz dos grandes jogadores do passado!
    O que já ocorreu antes dos registros... perdido (?!).
    A partir da notação, temos fonte de estudo, aprendizado e reflexões!
    Evoluindo, temos hoje essas opções apresentadas, que sem dúvida, facilitam tanto a escrita quanto a interpretação!
    Bom estar aqui.
    Sucesso, Rafael e Equipe!

  • Ferraro

    Faltou a notação numérica e a Forsyth...

  • Ferraro

    Faltaram as notações numérica e a Forsyth

    • Rafael Leitão

      A única anotação oficial é a algébrica, portanto esta é a que deve ser estudada com o propósito de anotar uma partida de torneio. Abraço!

      • Jhon silva

        duas vzs que joguei com meus colegas fiz a notacao algebrica ao reprodruzir a partida vi que durante alguns lances o rei do meu adversario ficou em xeque e nao percebemos ai dei empate nessa partida o bom da notacao algebrica que a gente percebe os erros depois ai dei empate pois nao seria justo continuar ja que no meio do jogo teve lance irregular anotado se voltasse ia ser complicado mexer depois

  • Carlos americano

    Rafael parabéns mais uma vez, tema muito interessante, sempre tenho duvida na hora de anotar en-passant.
    e quando duas peças caem no mesmo lugar. obrigado.

  • Eurico

    O que significa #1/2 ?

  • Jhon silva

    ola rafael leitao beleza.? tenh duvidas no xadrez vc tem email poderia te mandar minhas perguntas la ? passa seu email

  • Vladislavs Dracvlea

    Está faltando a anotação do roque castling alguma coisa que é O-O para o menor e O-O-O para o maior, ou algo assim, não sei direito se é a letra "O", ou o número "0" (zero).

  • Eduardo

    Gostaria de saber se num torneio no Brasil, posso anotar os lances com notação algébrica em qualquer idioma ou devo usar apenas o português? ou posso usar qualquer lingua , como por exemplo anotar em inglês , russo, chinês....

    • Rafael Leitão

      Pode usar a anotação algébrica em qualquer idioma...

  • Jesse

    Quando iniciei meus estudos no xadrez, obtive livros que ensinavam P4R em vez de e4 e isso complicava muito, pq era a mesma coisa para as pretas. Mas hj em dia leio uma partida com mais tranquilidade!

    • Rafael Leitão

      Anotação algébrica é bem melhor, realmente.

  • Daniel

    Como os jogadores de "elite" anotam enquanto jogam ?

  • Jefferson

    Creio que outras pessoas anotam por eles...

  • Francisco lima

    Ola, como se anota o en passant?

    • Rafael Leitão

      Anota a captura como se o peão tivesse movido apenas uma casa. Por exemplo, o lance foi ...f5 e você vai capturar o peão en passant em f6, você anota gxf6.

  • João Omar

    Rafael, aprecio muito suas lives. Não sei se por sua narrativa que, apesar de saber dos contrários, valoriza uma visão própria, duma maneira que nos identificamos como se também fôssemos protagonistas da história, além de uma sátira quase irônica como aborda as situações, sem perder o profundo respeito pela arte do xadrez. Mas voltando ao tópico, pra não ficar aqui te puxando o saco, como que se anota quando um peão é promovido?

    • Rafael Leitão

      Obrigado! Se anota, por exemplo: d8=D ou d8=C etc.

Deixe seu comentário