Resenha de livros: Lessons With a Grandmaster

Já disse algum autor engraçadinho que o que distingue o homem do animal é o fato de o homem comprar muito mais livros do que consegue ler. Se isso for verdade então me considero “humano” na plena acepção do vocábulo. De qualquer forma, posso dizer que me esforço para reduzir a distância entre os livros decorativos, de referência e os que realmente li (ou vou ler) e essa série de artigos pretende dividir algumas impressões sobre livros de xadrez que merecem destaque.

Vamos começar com um livro recente: Lessons With a Grandmaster, do GM Boris Gulko e do Dr. Joel Sneed (volume 1). Posso dizer de cara que, para enxadristas até 2400, esse é o melhor livro de xadrez dos últimos 10 anos.

Publicado em 2011, o livro se sustenta em uma ideia brilhante. Sneed, doutor em psicologia, grava suas aulas com o Gulko – experiente GM que dispensa apresentações – e depois transcreve os diálogos, após selecionar as melhores partidas/aulas. Sneed tem por volta de 2100 de rating. O resultado é absolutamente brilhante. As preocupações e erros de Sneed são muito comuns a jogadores desse nível, por vezes eu imagino alguns alunos meus falando! Gulko dá conselhos úteis quase o tempo todo, sendo o principal deles a importância do cálculo concreto, já que Sneed tenta resolver a maioria dos problemas apenas com conceitos abstratos, o que é totalmente errado.

Todas as partidas são do Gulko e as posições críticas vêm com diagrama, uma pergunta e a indicação da dificuldade do exercício. Isso facilita muito o estudo, pois já sabemos os momentos que devemos analisar independentemente. Já coloquei alguns alunos para pensar em posições críticas selecionadas e é impressionante como o processo (errado) de análise da posição é similar. Esse treino acaba demonstrando as deficiências comuns a enxadristas que lutam pelo título de MI.

É preciso acrescentar que, apesar de ser mais benéfico para enxadristas até 2400, o livro tem utilidade para jogadores de todos os níveis. Claro que eu conhecia o nível de jogo do Gulko, mas me surpreendeu a profundidade do seu entendimento em algumas posições, principalmente as de técnica. Mesmo GMs de 2600 têm muito o que aprender com ele.

Para encerrar, alguns conselhos do Gulko que fazem toda a diferença para atingir a maestria:

– Jogadores de clube (por volta de 2100) acreditam que devem estudar aberturas, que isso os levará à vitória. O que na verdade eles precisam é melhorar a compreensão dos elementos táticos e estratégicos do jogo;

– É preciso treinar a habilidade de tomada de decisões o tempo todo.Por isso as posições críticas são marcadas em formato de exercício;

– Xadrez não pode ser aprendido simplesmente através de leitura. Como Dvoretsky já demontrou, o melhor método de aprendizado é o de constantemente encontrar soluções e só depois comparar suas ideias com as do autor.

Um clássico absoluto. Se você não tem, pode encomendar sem medo. Se já o tiver, mãos à obra!

 

Links relacionados:

[Os Melhores Livros de Xadrez Já Escritos, segundo Rafael Leitão]

 

 

0 Respostas a “Resenha de livros: Lessons With a Grandmaster”

  • André Kemper

    Leitão, acho que vou aumentar minha estante de Xadrez... Vou comprar e deixar lá. Tudo o que eu quero no momento é me tornar esse jogador de clube, com 2100. Depois, vou ler o livro. :)Excelente resenha!! Abraço!

  • Academia Rafael Leitão

    André, livros na estante sempre são úteis :) E o livro é indicado para jogadores de todos os níveis, pode ler sem medo!!

  • Janderson L. Cerqueira

    Leitão, você poderia colocar um link de onde comprar esse livro ? Parabéns pela resenha!! Abraço!!!

  • André Kemper

    Valeu, Leitão!! Acabei de comprar! Janderson, olha o link: http://www.amazon.com/Lessons-Grandmaster-Strategy-Psychology-Everyman/dp/1857446682/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1374164861&sr=8-1&keywords=lessons+with+a+grandmasterAbraços!

  • Romulo

    O que eu acho legal do xadrez é que ele não te ilude por muito tempo. O Gulko ilustra bem isso com as críticas as análises baseadas apenas no feeling e em princípios gerais. Uma vez eu disse para Rafael: "O problema é que treinar cálculo é cansativo e trabalhoso". A rebatida foi: "É por isso que pouca gente evolui". Pelo visto não existem atalhos mágicos. Tem que ralar mesmo! :-)

  • MF Carlos Pinto

    Vou aproveitar a sugestão e ler este livro, pois estou no momento dando ênfase ao cálculo, no meu estudo.Obrigado ao GM Leitão pela dica!

  • Weder pacheco

    GM Leitão, quando vc fala sobre estudar cálculo de variantes para jogadores de até 1900 isso está relacionado a treino de táticas e combinações?

  • Vengerov

    Realmente um clássico, um livro excelente, que aborda o xadrez de forma prática e instrutiva. Consegui uma cópia em PDF e estou adorando, cada partida é uma verdadeira aula.Que diferença entre a visão estratégica de um GM e um club player. Please Rafael,resenha mais livros para nós que, infelizmente, não podemos ter acesso as suas aulas. Abraços!!!

  • Eduardo silva

    Rafael,Gostei muito da resenha, achei uma excelente ideia, parabéns! Gostaria de aproveitar a oportunidade e tirar uma dúvida: há algum tempo folheei um livro de xadrez numa livraria que me chamou bastante atenção, chama-se: “Planificación en el ajedrez moderno” do autor Efstratios Grivas, o autor trabalha com posições críticas de partidas de grandes mestres, dá algumas alternativas de planos para o leitor analisar e depois discute cada uma delas explicando qual é a melhor. Me pareceu semelhante a esse livro que você resenhou, porém acho que no caso do Grivas, dava mais ênfase as questões estratégicas, de fundo mais conceitual, enquanto o que você resenhou me pareceu voltado mais para o cálculo concreto. De qualquer maneira o livro “Planificación en el ajedrez moderno” me pareceu possuir um método bastante interessante, não comprei o livro na época porque achei que estava muito caro, e como não conheço o autor fiquei com medo de ser “ilusão de ótica” e depois me arrepender e o livro ficar empoeirando na estante como já aconteceu com outros. Enfim, Você recomendaria esse livro? Ou algum outro livro que tenha uma metodologia semelhante? Desde já agradeço!Um abraço!P.S.: Parabéns pelo seu sexto título brasileiro!! Estava torcendo por você!

Deixe seu comentário