Memorial Gashimov – Parte II

O Shamkir Chess 2016 – Vugar Gashimov Memorial vai chegando em sua reta final. Para quem está acompanhando o torneio, o desempenho do ítalo-americano Fabiano Caruana, líder do evento, só faz retumbar a velha pergunta: não seria Fabiano o melhor adversário contra Magnus Carlsen?

 

caruana gashimov

[Caruana: líder isolado – performance superior a 3000 pontos!]

 

4ª Rodada

 

Com três dos cinco confrontos terminando em empate, as atenções, obviamente, acabaram se voltando para as partidas que tiveram “bola na rede”. A primeira vitória, claro, foi dele: Caruana refutou de modo muito tranquilo o duvidoso sacrifício de torre por duas peças feito por Mamedov e ganhou de maneira fácil – ou, ao menos, vendo-o jogar, é assim que parece. Mas a grande vitória da rodada foi do injustiçado Giri – que recentemente havia sido cogitado como concorrente ao Prêmio Nobel da Paz após empatar todas as suas 14 partidas (!) durante o último Torneio de Candidatos. A exemplar vitória de Giri frente o indiano Harikrishna deve ter servido um pouco para diminuir as chances do jogador holandês ao Nobel. Ruim para o mundo – menos um pacifista. Bom para o xadrez – mais um belo arremate. Veja as análises do GM Rafael Leitão para a partida.

 

Giri Gashimov

[Giri: Desistência oficial do Prêmio Nobel da Paz]

 

5ª Rodada

 

A quinta rodada foi uma das mais sangrentas: 4 vitórias e apenas um empate – justamente entre os compatriotas Mamedyarov e Mamedov.

Harikrishna se recuperou da derrota anterior e fez com que Eljanov (que havia jogado uma grande Copa do Mundo ano passado, mas está fazendo um péssimo torneio e não se acertando faz tempo) sentisse todo o veneno da violentíssima Abertura dos 4 Cavalos – o que nos faz lembrar a máxima: “às vezes uma partida de xadrez tem mais do que quatro cavalos”.

Entre Karjakin e Yifan Hou, o russo veio reforçar para a chinesa (que também está fazendo um péssimo torneio) que a Ruy Lopez Aberta que a jogadora trouxe lá das suas preparações do Mundial Feminino não foi uma das ideias mais felizes.

Já a partida entre Safarli e Giri serviu para reforçar outra coisa: o GM holandês descobriu esta história de ganhar e parece que pegou o gosto pela coisa. Mais uma boa vitória de Giri.

Mas desta vez a partida da rodada foi a vitória de Caruana contra Radjabov. No lance 10 com 0-0-0, Caruana levantou a torcida e “chamou para a briga”. E não houve decepções – mais um bonito arremate. Veja a partida comentada.

 

6ª Rodada

 

A sexta rodada, que antecedeu o dia de descanso, como de costume, foi marcada pelo pacifismo de todos os participantes. Provavelmente o mais emocionante que tivemos foi a partida de futebol entre os participantes do torneio – ocorrida no dia posterior.

 

Futebol Gashimov

[Observa-se que são enxadristas: não só pelos físicos, mas… ninguém notou que esses dois uniformes são quase iguais?]

Futebol 2 gashimov

[Enquanto Yifan Hou aconselha, a dupla Ma-Ma (Mamedyarov-Mamedov) toma posição]

futebol 3 gashimov

[Alguém roubou o short do Caruana (primeiro, da esquerda para a direta) – deve ser inveja pela liderança; Karjakin (quarto, da esquerda para a direta) tem pinta de ponta esquerda do Botafogo; e Eljanov de Goleiro? Não está segurando nem as partidas, imagina a bola…]

 

Para finalizar: fizeram um vídeo desta “maravilha”. Avisamos: as imagens são fortes.

[We are the champions, my friends – o editor do vídeo foi quase nada irônico…]

 

 

7ª Rodada

 

A sétima rodada, que “acabou de acabar”, terminou com 3 empates e duas vitórias. O confronto entre o líder Caruana e seu perseguidor mais direto, Giri, terminou em empate, para decepção dos fãs – já que, aparentemente, Caruana poderia tentar aproveitar o ataque ao rei de Giri (que resolveu mostrar para Hou Yifan como é que se joga a tal Variante Aberta da Ruy Lopez). Harikrishna x Mamedov e Karjakin x Radjabov também selaram a paz ao final – a primeira com muito mais luta que a segunda, é importante que se diga.

Eljanov finalmente ganhou e isso quis dizer que Hou Yifan perdeu mais uma vez. Mamedyarov venceu de forma convincente Safarli, depois de uma abertura um pouco estranha do compatriota.

 

Classificação

 

Após 7 rodadas, a classificação é a seguinte:

 

JogadoresPts
1Caruana, Fabiano5.5
2Giri, Anish5
3Karjakin, Sergey4
Mamedyarov, Shakhriyar4
5Harikrishna, P.3.5
6Mamedov, Rauf3
Radjabov, Teimour3
8Safarli, Eltaj2.5
Eljanov, Pavel2.5
10Hou, Yifan2

 

A próxima rodada marcará os seguintes confrontos:

 

 8ª Rodada – 03.06.2016
Anish GiriHou Yifan
Rauf MamedovPavel Eljanov
Teimour RadjabovPentala Harikrishna
Eltaj SafarliSergey Karjakin
Fabiano CaruanaShak Mamedyarov

 

E na última rodada, no sábado, teremos:

 

9ª Rodada – 04.06.2016
Shak MamedyarovAnish Giri
Sergey KarjakinFabiano Caruana
Pentala HarikrishnaEltaj Safarli
Pavel EljanovTeimour Radjabov
Hou YifanRauf Mamedov

 

Será que alguém vai conseguir atrapalhar a vida de Caruana?

 

Fontes

Site Oficial

Fotos: Chess Base

 

Escrito por Equipe Academia de Xadrez Rafael Leitão 02.06.2016.

 

Combo Calculo folder

One Reply to “Memorial Gashimov – Parte II”

  • Hildeberto neto

    Só eu que vi os caras pegando o troféu deixando a bela Hou Yifan no vácuo?

Deixe seu comentário