Aberto do Brasil de Curitiba: Vitória de Quintiliano

 

 Aconteceu no último final de semana, de 12 a 14 de Maio, na bela e moderna cidade Curitiba (terra do poeta Paulo Leminski) mais um Aberto do BrasilEtapa IEP & Copel Telecom.  A competição, em 6 rodadas, contou com a boa premiação de 10 mil reais e atraiu mais de 150 jogadores – sendo 28 titulados. Destaque para a excelente organização feita pela FEXPAR (Federação de Xadrez do Paraná) que proporcionou, além de um excelente salão de jogos (no Instituto de Engenharia do Paraná), a transmissão ao vivo de algumas partidas (via o perfil da Federação na rede social Facebook). E que este seja um exemplo a ser seguido!  A direção da competição ficou a cargo do inconfundível MI Rodrigo Disconzi da Silva (popularmente conhecido na rede por D11) – ao menos, é essa a direção que consta no Chess Results, embora não tenhamos visto nenhuma foto do MI Disconzi no álbum do torneio.

 

“Que foi? Eu sou mais punk do que você!”, como diria Leminski (que Disconzi conheceu pessoalmente)

 

O bonito salão de jogos

 

O número 1 da competição foi o MI cubano, naturalizado paraguaio, e residente no Brasil, Neuris Delgado (2603). Em seguidas tivemos nossos MIs Diego Di Berardino (2494) e Renato Quintiliano (2494). O atual campeão brasileiro, o GM Everaldo Matsuura (2481) e o GM paraguaio Jose Cubas (2468), fecharam a lista do Top 5.

 

O GM Neuris Delgado foi o número 1 da competição

 

Mas a vitória ficou com o nosso GM, disfarçado de MI, Renato Quintiliano. Quintiliano somou 5,5 pontos – deixando meio ponto para trás apenas na partida da quinta rodada contra o GM Cubas. Destaque para a sua vitória na última rodada contra o MI Diego Di Berardinho – outro GM nosso disfarçado de MI. Quintiliano terminou com uma performance de 2680 e ainda levou mais 5,5 pontinhos de ranting para casa. Sendo assim, “Quinti” rompe a barreira dos 2500 e fica uma norma de conseguir o título de Grande Mestre. Estamos na torcida!

 

Que venha a norma! Na foto, além do vencedor do torneio, a presença ilustre do segundo GM da história do Brasil: Jaime Sunye Neto

 

Vale lembrar que o MI Quintiliano é um dos professores em nosso site, já tendo gravado vários vídeos. Confira aqui o vídeo que ele gravou sobre recursos defensivos.

 

 

O segundo lugar ficou com o GM Neuris Delgado, também com 5,5 pontos, e em terceiro o MI argentino, mas residente em Goiânia, Leandro Perdomo (2444). A melhor jogadora foi a MF Juliana Terao (2285) – com 4,5 pontos e a 19ª colocação. O Top 10 final da competição:

 

Rk.NomeFEDEloI Pontos 
1IMQuintiliano Pinto Renato R.BRA24945,5
2GMDelgado Ramirez NeurisPAR26035,5
3IMPerdomo LeandroARG24625,0
4FMGauche CharlesBRA21975,0
5IMUmetsubo Cesar HidemitsuBRA23905,0
6FMDos Santos Jr. Haroldo CunBRA22095,0
7Campelo Leandro FabricioBRA22075,0
8GMCubas Jose FernandoPAR24684,5
9Palozi Paulo RicardoBRA23144,5
10IMDi Berardino Diego RafaelBRA24944,5

 

FONTES

Chess Results

FEXPAR (Facebook)

Escrito por Equipe Academia de Xadrez Rafael Leitão 16-05-2017

 

 


 

Gostou? Compartilhe esse conteúdo nas redes sociais!

No comments

Deixe seu comentário