Campeonato Russo 2015

    Depois do tumulto sofrido por toda a equipe da Redação da Academia por conta de nossa última e bombástica notícia (entenda do que estamos falando, clicando aqui), mas já refeitos do susto e das breves férias nas Ilhas Maurício que fomos obrigados a ir pelo departamento médico da Academia, cá estamos para lembrarmos a Superfinal do Campeonato Russo 2015 – que terminou no último dia 20.

    Nem Jakovenko; nem Artemiev; Nem Karjakin. O título de campeão russo – aliás, o primeiro dele – foi para o sólido Evgen Tomashevsky (cada vez mais parecido com Jared Leto no filmeCapítulo 27, em que o ator norte-americano faz o assassino de Jonh Lennon, Mark David Chapman – assistam ao filme e comparem com a foto de Evgen, abaixo).

    Tomashevsky, que não fez um torneio para a multidão, como outrora fazia um Karpov e, principalmente, um Kasparov – mas como já diria outro imortal, Tigran Petrosian: “Eu posso ser mais interessante… E perder” – terminou invicto com 7,5 pontos em 11 possíveis. 4 vitórias e 7 empates. Isso mesmo. Haja empate. E as vitórias foram apenas contra adversários que terminaram da metade da tabela para baixo (Denis Khismatullin; Igor Lysyj; Ivan Bukavshin e Ildar Khairullin). Um xadrez burocrático, mas que funcionou. E viva ao pragmatismo! Petrosian sorri lá de cima…

    Karjakin conseguiu sua recuperação após começar de maneira bem morna a primeira parte do torneio e terminou em segundo lugar – seguido de Vitiugov e Daniil Dubov (boa recuperação, heim? De oitavo na primeira parte para quarto lugar!). Talvez a maior decepção, além do xadrez do heptacampeão russo Peter Svidler, que terminou na nona colocação, foi a “desacelerada” do jovem Artemiev, que finalizou com 5,5 pontos e a sexta colocação – que, evidentemente, aos 17 anos, não é nada mal. Aliás, como bom presságio para o auspicioso futuro de Artemiev, fica a sua bela vitória contra o número um do torneio, Dmitr Jakovenko, quinto lugar na competição (veja a partida analisada aqui).

    A classificação:

     

    MASCULINO

    1Evgen Tomashevsky7,5
    2Sergey Karjakin7,0
    3Nikita Vitiugov6,5
    4Daniil Dubov5,5
    Dmitr Jakovenko
    Vladislav Artemiev
    Denis Khismatullin
    8Igor Lysyj5,0
    Peter Svidler
    Ivan Bukavshin
    11Alexander Motylev4,0
    Ildar Khairullin

     

    No feminino, quase “de ponta a ponta”, e de forma bem mais sangrenta, a jovem de 17 anos Aleksandra Goryachkina, mostrou um xadrez impressionante. Liderando boa parte da competição, Goryachkina obteve uma vitória incontestável: 6 vitórias, 4 empates e uma derrota. Em segundo lugar a musa Alexandra Kosteniuk, de 31 anos, com 4 vitórias, 6 empates e uma derrota, fez as honras da “velha guarda”.

    TOMASHEVSK E GORYACHKINA VENCEM A SUPERFINAL DO CAMPEONATO RUSSO 2015 2
    Aleksandra Goryachkina, de 17 anos, que liderou o torneio ao final da primeira parte, manteve o ritmo e conseguiu também seu primeiro título russo

     

    A Classificação:

    FEMININO

    1Goryachkina, Aleksandra8,0
    2Kosteniuk, Alexandra7,0
    Bodnaruk, Anastasia
    4Kovalevskaya, Ekaterina6,5
    Gunina, Valentina
    6Lagno, Kateryna6,0
    7Savina, Anastasia5,5
    Girya, Olga
    9Pogonina, Natalija4,0
    Kashlinskaya, Alina3,5
    11Ovod, Evgenija
    12Guseva, Marina3,0

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Congratulações aos campeões – os com algumas; ou os com muitas; emoções.

    Fotos: Chessbase.

    Escrito por Equipe Academia de Xadrez Rafael Leitão em 24.08.2015.

    No comments

    Deixe seu comentário

      [class^="wpforms-"]
      [class^="wpforms-"]