Campeonato Mundial: Luta Intensa, Mas Empates Persistem

    Campeonato Mundial: Luta Intensa, mas Empates Prevalecem

    Três partidas de interesse teórico profundo, com ótimo nível de precisão, mas sem vitórias.

     

    Está sem tempo para ler o artigo? Escute a versão em áudio!

     

    O match Carlsen x Nepomniachtchi, disputado ao lado da World Expo Dubai (nos Emirados Árabes Unidos) começou como Carlsen x Caruana havia terminado: muito equilíbrio, excelente nível técnico, mas gol que é bom… NADA.

     

    C:UsersIngridDesktopcarlsen x nepo.jpg

    Carlsen e Nepomniachtchi

     

    É a velha discussão sobre os empates no xadrez.

    No mundial de 2018, Carlsen e Caruana empataram as 12 partidas do match. E no match de 2016, Carlsen e Karjakin empataram 10 jogos, com uma vitória para cada lado. Ou seja, nas últimas 27 partidas pelo Campeonato Mundial, apenas duas não terminaram em empate.

    [Clique aqui e veja a 1 partida do match]

     

    Chegou a hora de mudar as regras do Campeonato Mundial?

    Carlsen acha que sim…

    Após o término da terceira partida, ao ser questionado sobre o número de empates no evento máximo do xadrez mundial, o campeão do mundo não ficou em cima do muro:

    “Ou se acelera o ritmo atual (cada jogador possui 2 horas para os primeiros 40 movimentos) ou o match deve se converter em uma combinação de partidas rápidas e clássicas”, sugeriu o norueguês.

    O desafiante russo também comentou o assunto:

    “Para que se diminua o número de empates, é preciso que haja erros. O treinamento com computadores muito potentes produz a tendência de menos erros. Por isso, o xadrez atual de máximo nível tende ao empate mais do que nunca”, falou Ian Nepomniachtchi.

    [Veja a segunda partida aqui]

     

    C:UsersIngridDesktopkasparov.jpg

    Kasparov foi dar uma espiada nas partidas, para quem o “Ogro de Baku” está torcendo?

     

    Excesso de Empates Pressionam Carlsen

    No final da coletiva da terceira rodada, Magnus Carlsen teve de responder uma inteligente pergunta:

    “Como você espera que se lembrem de você daqui a 50 anos?”

    Carlsen: “como alguém que por fim ganhou uma partida em um Campeonato do Mundo desde 2016”.

    Essa declaração dá a entender que o campeão mundial sente-se pressionado a vencer o match nas partidas clássicas.

    Pressão extra que pode ser benéfica para o desafiante, mas principalmente ao match em si, que promete partidas ainda mais interessantes.

    Por outro lado, Nepo parece se contentar com a igualdade momentânea. Afinal, suas chances não são menores nas partidas rápidas em comparação com suas possibilidades nas clássicas.

    E essa força no blitz é a grande virtude de Nepo em comparação com os desafiantes anteriores.

     

    Casas de apostas seguem confiantes na vitória de Carlsen

    A cada R$1,00 que você apostar no norueguês, você recebe apenas R$1,16 caso Carlsen mantenha o título. Por outro lado, quem apostar R$1,00 em Nepomniachtchi, receberá R$4,50 caso o enxadrista russo seja o campeão.

    Pra você ter uma ideia mais clara do que esses números indicam. De acordo com os sites de apostas, as possibilidades de Nepo derrotar Carlsen são as mesmas do Bahia (que luta contra o rebaixamento) vencer o virtual campeão, Atlético Mineiro, na próxima rodada.

     

    Comentários aleatórios do GM Rafael Leitão

    • Nepo aparentemente sussurrou para o Carlsen depois da segunda partida que essa “foi a pior partida da história dos campeonatos mundiais”, em um evidente exagero. Nepo no modo sincerão depois da partida?
    • Magnus reagiu com irritação ao ser “convocado” para o exame antidoping após a terceira partida. Essa é uma prática que já aconteceu em alguns torneios (Olimpíada, por exemplo),
    • Por falar em antidoping, Nepo toma um líquido de uma garrafa térmica, que, se fosse café, certamente ultrapassaria todos os limites do nível de cafeína aceitável em um corpo, já que ele toma umas 30 xícaras por partida. Mas, aparentemente, é chá. O que muito me decepcionou, por sinal. É sabido que os grandes enxadristas se dividem entre o #teamchá e o #teamcafé. Esse último time tem mais adeptos e jogadores mais fortes. Como deve ser.
    • Quando será que teremos uma Inglesinha, para a felicidade geral?
    • A partida não é ruim só porque empatou. A segunda partida do match foi muito interessante, cheia de surpresas e complicações. A primeira partida não chegou a ser ruim. A pior (em termos de emoção), foi a terceira. No momento que escrevo estas linhas temos uma Petroff no tabuleiro na quarta partida. Não preciso dizer mais nada.

     

    Carlsen conseguirá vencer Nepo ao menos em uma partida clássica? Deixe sua opinião nos comentários.

    Gostou do artigo? Então compartilhe nas redes sociais.

    Texto escrito pelo MF William Ferreira da Cruz.

    Fotos: Fide.com

    No comments

    Deixe seu comentário

      [class^="wpforms-"]
      [class^="wpforms-"]