As Maiores Representantes Brasileiras em Olimpíadas de Xadrez

A Olimpíada de Xadrez Feminino acontece desde 1957. Em 43 edições, o Brasil marcou presença em 23 ocasiões a partir de 1972. As brasileiras se destacaram na competição em algumas ocasiões, com 4 medalhas olímpicas na história: 1 ouro, 2 pratas e 1 bronze. Ao todo, 34 enxadristas tiveram a honra de representar o país na competição por equipes mais importante do mundo.

 

Está sem tempo para ler o artigo? Escute a versão em áudio!

 

Equipe Olímpica Feminina Xadrez

Equipe brasileira em 2014: MF Álvaro Aranha (Técnico), Vanessa Feliciano, Regina Ribeiro, Juliana Terao, Joara Chaves e Suzana Chang

 

Conheça agora as maiores representantes do país no torneio:

 

1 – Joara Chaves (15 participações)

 

A WMI Joara Chaves é a maior representante brasileira em olimpíadas, incluindo também os homens. Foram 15 participações entre 1982 e 2014: 1982, 1984, 1986, 1988, 1990, 1992, 1994, 1996, 1998, 2000, 2002, 2004, 2006, 2008 e 2014.

 

Joara Chaves

Joara, 15 participações

 

2 – Regina Ribeiro (10 participações)

A WMI Regina Ribeiro também marcou sua história na equipe olímpica feminina. Foram 10 participações, com destaque para a edição de 1992, quando conquistou a medalha de bronze no terceiro tabuleiro. Regina jogou as edições de 1982, 1984, 1986, 1988, 1992, 1994, 2000, 2004, 2006 e 2014.

 

Regina Ribeiro

Regina Ribeiro, 10 participações

 

3- Jussara Chaves (8 participações)

A WMI Jussara Chaves conquistou o único ouro olímpico brasileiro feminino em 1984, quando jogou no tabuleiro 3. A lendária enxadrista disputou as edições de 1980, 1982, 1984, 1986, 1988, 1990, 1992 e 1994.

 

4- Suzana Chang (8 participações)

A WMF Suzana Chang também representou o Brasil em oito olimpíadas. Suas atuações foram nos anos de: 1998, 2002, 2004, 2006, 2012, 2014, 2016 e 2018.

 

5- Juliana Terao (6 participações)

A MF Juliana Terao é a melhor enxadrista do Brasil na atualidade e já aparece entre as maiores representantes olímpicas do país. Terao disputou as seis últimas edições: 2008, 2010, 2012, 2014, 2016 e 2018.

 

6- Ruth Cardoso (5 participações)

A WMI Ruth Cardoso fez história no xadrez nacional entre as décadas de 1970 e 1980, sendo a primeira enxadrista brasileira titulada da história. Em 1972, conquistou a medalha de prata no primeiro tabuleiro. Também disputou as edições de 1974, 1978, 1980 e 1982.

 

7- Palas Atena Veloso (4 participações)

Palas Atena Veloso disputou 4 olimpíadas: 1988, 1990, 1992 e 1994, o que a coloca em destaque no cenário nacional. 

 

8 – Norma Snitkowsky, Tatiana Ratcu, Vanessa Feliciano e Vanessa Gazola (3 participações)

Quatro enxadristas compartilham a oitava colocação do ranking com três participações. Norma Snitkowsky disputou as edições de 1974, 1978 e 1984, enquanto a WMI Tatiana Ratcu jogou em 1996, 1998 e 2000.

Mais recentes são as aparições da WMI Vanessa Feliciano: 2008, 2012 e 2014 e da WCM Vanessa Gazola: 2008, 2010 e 2012.

 

Menção Honrosa: Ivone Moysés 

Ivone Moysés disputou apenas a edição de 1974, porém, merece estar na lista pela medalha de prata que conquistou no tabuleiro 2, realmente um feito!

Qual é a maior enxadrista brasileira de todos os tempos? Deixe sua opinião nos comentários.

 

Gostou do artigo? Então compartilhe nas redes sociais.

Texto escrito pelo MF William Ferreira da Cruz

Referência: https://www.olimpbase.org/ 

2 Respostas a “As Maiores Representantes Brasileiras em Olimpíadas de Xadrez”

  • Israel

    Vanessa Feliciano é da minha cidade de Rio do Sul - SC, então não tem como eu não sentir um orgulho enorme disso, saber que uma das maiores enxadristas da história do país nasceu aqui.
    Muito bom artigo

  • Daniel Noronha

    Senti falta de Lígia Abreu Carvalho, ela disputou olimpíadas também, morreu nova. Tem uma partida dela fantástica contra a Nava Starr, abs!

Deixe seu comentário