Carlsen x Karjakin – 12ª Partida

Comentar sobre a décima segunda, e última, partida do match é quase uma afronta. Para simplificarmos a história, basta dizer, por exemplo, que Carlsen começou com 1h40min e terminou a partida com 1h44min…

Apesar de tudo, o rápido empate não é completamente destituído de interesse. Algumas hipóteses interessantes surgem depois dele – e, claro, do que pode vir a ser o tiebreaks.

 

carka_122

Ándale, ándale, arriba, arriba!

 

Primeiro: a decisão de Carlsen de não arriscar, mesmo de brancas, foi um sinal de respeito ao desafiante (que se mostrou tanto um defensor tenaz quanto um adversário perigoso – vide a vitória conquistada e mais outra oportunidade claramente desperdiçada) ou um excesso de confiança nas partidas rápidas (em que Carlsen é, sem dúvida, um dos melhores do mundo)?

Difícil dizer… De toda forma, recentemente Carlsen foi campeão do  Grandmaster Blitz Battle Championship (torneio virtual, patrocinado pelo site chess.com), vencendo Alexander Grischuk (atual Campeão Mundial Blitz) e, na final, ninguém menos que Hikaru Nakamura – que, em determinada época, chegou a 3.500 pontos no ICC.

 

carka_123

 

Em segundo lugar, obviamente, há o desgaste físico/psicológico (de ambos). Contudo, acreditamos que, neste caso, Karjakin leve alguma vantagem, pois sua estratégia de esperar os momentos certos para contragolpear deu resultado. Além disso, todo o seu otimismo antes do encontro mostrou-se genuíno.

E não podemos esquecer que as vitórias de Karjakin no, obviamente, Torneio de Candidatos e, especialmente, na última Copa do Mundo de Xadrez – em que a final com o seu compatriota Peter Svidler também foi disputada no tiebreak – é motivo mais do que suficiente para não duvidarmos de uma possível vitória sua. Em outras palavras: Karjakin está mais do que preparado para a pressão do desempate – se é que todo o match já não havia apagado esta dúvida (e vale lembrar outro feito memorável do russo: a vitória “sozinho” contra toda a seleção chinesa!).

 

carka_124

 

 

O DESEMPATE

 

Serão quatro partidas rápidas, com um controle de tempo de 25 minutos por jogador mais 10 segundos por lance. Em caso de, ainda assim, persistir o empate, será disputada uma série de cinco partidas blitz, com um controle de tempo de 5 minutos mais 3 segundos por lance. Se novamente o empate prevalecer os jogadores disputarão uma partida única de jogo da velha… Não… Um minuto. Informação errada.

 

carka_125

Desculpem nossa falha técnica.

Voltaremos agora com a nossa programação normal.

 

Caso tenhamos empate nas partidas blitz, então o Título Mundial será disputado no famoso “Armageddon”: o jogador com as peças brancas recebe 5 minutos e o jogador nas peças pretas 4 minutos. A partir do lance 60 ambos recebem 3 segundos de acréscimo. A vantagem das pretas: basta o empate para decidir o duelo ao seu favor. E, neste caso, alcançar o título de Campeão Mundial de Xadrez.

 

carka_126

 

Sabemos o que você pensou quando ouviu “Armageddon”:

I don’t waaaaaanna clooooooose my eeeeeeeyes

I don’t waaaaanna faaaaall asleep

‘Cause I’d miss you, babe

 

É amanhã. Quem será o novo (ou velho) Campeão Mundial?

Em quem você aposta?

 

FONTE

Site Oficial

Chess24

Chess Base

 

Escrito por Equipe Academia de Xadrez Rafael Leitão 29-11-2016

2 Respostas a “Carlsen x Karjakin – 12ª Partida”

  • James

    Eu aposto na genialidade de Magnus amanhã

  • Gabriel Vinicios Silva Maganha

    Aposto em Karjakin!

Deixe seu comentário