Grandes Prodígios do Xadrez Moderno

A história do xadrez narra uma saga composta por jogadores brilhantes, capazes de realizar jogadas incríveis e que atravessam gerações. Você sabe quais são os grandes prodígios deste jogo? No post de hoje, vamos apresentar 5 grandes enxadristas do xadrez moderno, que desde crianças já eram capazes de chamar a atenção do mundo com demonstrações de genialidade no jogo. Curioso? Acompanhe:

 

Magnus Carlsen

Apontado pelo Washington Post como o “Mozart do Xadrez” com apenas 13 anos, o norueguês Magnus Carlsen começou a desenvolver um interesse maior pelo jogo após os 8 anos, ao ser incentivado pela família e, posteriormente, ao começar a ter aulas profissionais. Foi com essa idade a pessoa mais jovem a tornar-se um Grande Mestre do Xadrez, recorde que foi ultrapassado, posteriormente, por Sergey Karjakin. Dentre muitos outros títulos, Carlsen carrega o de Campeão Mundial de Xadrez Clássico desde 2013 e o de Campeão Mundial de Xadrez Rápido nos anos de 2014 e 2015.

 

Sergey Karjakin

Cultivando o gosto e o hábito pelo jogo desde os 5 anos, Karjakin tornou-se Mestre Internacional de Xadrez com apenas 11 anos. O ucraniano com cidadania Russa está sempre conquistando lugares de topo no ranking mundial, e, hoje, aos 26 anos, ainda detém o recorde de o mais novo Grande Mestre de Xadrez da história, conquistado aos 12 anos e 7 meses. Em 2015, Karjakin foi campeão da Copa do Mundo de Xadrez, disputada em Baku.

planos de assinatura

Judit Polgar

Considerada a melhor jogadora de todos os tempos, Judit construiu uma carreira brilhante no Xadrez e tornou-se uma referência em um universo ainda majoritariamente masculino. Sua história no jogo começou quando tinha apenas 5 anos de idade e a quantidade de títulos conquistados ao longo dos anos pela húngara foi vasta. Judit Polgar, aos 15 anos, bateu o recorde que então pertencia a Bobby Fischer como mais jovem Grande Mestre da história.

 

Hou Yifan

Hou Yifan é a enxadrista número 1 do ranking feminino da Federação Internacional de Xadrez. Desde 2008, quando tinha apenas 14 anos, a chinesa é Grande Mestre de Xadrez. Ao conquistar esse título, Hou Yifan passou a ser uma das mais novas do mundo entre os GMs (Grandes Mestres), tanto masculinos quanto femininos. E também a mais nova mulher Grande Mestre da história, com exatos 14 anos, 6 meses e 2 dias.

 

Wei Yi

Wei Yi é um chinês de 16 anos apontado por muitos como um futuro campeão mundial e o quarto Grande Mestre de Xadrez mais jovem da história. Em 2015 ele derrotou grandes nomes chineses do Xadrez, ganhou o campeonato do seu país e teve um brilhante resultado na Copa do Mundo de Xadrez. 2016 não começou bem e ele perdeu mais de 20 pontos de rating no Aberto do Qatar, mas ele certamente irá se recuperar durante o ano.

Não há idade para aprimorar sua técnica e desenvolver suas habilidades, mas é certo que os jogadores que se destacam desde a terna idade chamam a atenção e aguçam nossa curiosidade. Quem você acrescentaria a essa lista? Conte-nos nos comentários!

3 Respostas a “Grandes Prodígios do Xadrez Moderno”

  • Hudson

    Fazer uma lista desse tipo é tarefa ingrata, pois sempre faltam nomes... Dos nomes contemporâneos, acho que a lista está muito boa. No entanto, se fôssemos pensar no passado, a lista seria interminável, provavelmente: dos nomes que eu destacaria, estaria o de Gata Kamsky, que se já não é o que foi no passado, ainda merece ser lembrado, talvez (isso para não falar em Kasparov, Fischer, etc.).

  • Moises

    Eu poria na lista o nosso Henrique Mecking, o Mequinho, afinal ele foi um grande prodígio também, dava simultâneas quando ainda era apenas um garotinho de sete anos.

  • Cleidson Leles

    Me intriga que essas crianças sejam grandes mestres, pois alguns aspectos do xadrez parece ser tão complexo. Seria uma questão de talento? Ou alguém sem esse talento poderia com muito treinamento conseguir chegar lá também?

Deixe seu comentário