Grandes Torneios de Xadrez no Brasil: 450 anos de São Paulo

Em 2004, São Paulo completou 450 anos. Além de todas as comemorações realizadas, também foi organizado um torneio de xadrez que contou com algumas figuras ilustres do esporte nacional e internacional. Conhecido como Desafio SP 450 Anos de Xadrez e realizado no Hilton São Paulo Morumbi, o torneio entrou para a história do xadrez brasileiro como uma grande oportunidade para os amantes do jogo observarem algumas das figuras mais célebres reunidas simultaneamente no Brasil. Quer saber como foi? Então confira a seguir como aconteceu o torneio!

 

Presenças ilustres

Por ser um evento comemorativo e especial, o torneio para celebrar os 450 anos de São Paulo contou com algumas presenças ilustres e, inclusive, criou uma configuração até então inédita no Brasil.

Dentre os presentes estavam Anatoly Karpov, uma lenda do xadrez e ex-campeão mundial; Iván Morovic, grande mestre chileno; Gilberto Milos, Rafael Leitão e Giovanni Vescovi, à época os três melhores enxadristas brasileiros; e Viswanathan Anand, enxadrista indiano e campeão mundial. Além disso, Garry Kasparov, grande mestre e ex-campeão mundial, também esteve presente no evento para a realização de algumas atividades paralelas.

Com isso, pela primeira vez na história do xadrez brasileiro o país contou com a presença de três campeões mundiais em um mesmo torneio, despertando o interesse em toda a comunidade.

 

Cursos com até 30% de desconto. Aproveite!

promo ferias5 banner

O torneio

Como se tratou de um torneio comemorativo, essa disputa foi realizada de maneira rápida, ou seja, com o ritmo de jogo mais acelerado que o normal. A intenção dessa modificação foi a de causar o máximo de atração possível entre leigos e jogadores profissionais de xadrez, além de garantir maior dinâmica para o evento.

Nessa modalidade, os participantes tinham 25 minutos para jogar a partida, além de 10 segundos de acréscimo por lance. O torneio foi disputado em turno e returno.

 

O resultado

À época considerado o segundo melhor enxadrista do mundo, Anand firmou-se como vencedor do torneio ao marcar 8,5 pontos de 10 possíveis, vencendo 7 partidas e empatando apenas 3. Alguns anos após a disputa, Anand tornou-se oficialmente Campeão Mundial, além de conquistar nesse torneio a sua terceira vitória seguida em torneios do tipo.

Em segundo lugar apareceu Morovic, marcando 5,5 pontos, e o terceiro lugar ficou para Rafael Leitão, com 4,5 pontos. Karpov e Vesvovi, por sua vez, terminaram empatados no quarto lugar com 4 pontos cada um e Milos ficou em sexto, com 3,5 pontos.

O torneio de xadrez em comemoração aos 450 anos de São Paulo atraiu a atenção de patrocinadores, da imprensa internacional e também de profissionais e apaixonados pelo esporte. Reunindo três campeões mundiais no Brasil pela primeira vez, é um torneio histórico e marcante para qualquer apaixonado pelo xadrez. Coroado com a vitória de Viswanathan Anand, o torneio continua relevante para o enxadrismo nacional como foi 12 anos atrás.

Gostou de saber mais sobre esse torneio? Então saiba mais também sobre o Interzonal Petrópolis 1973!

Conheça nosso canal no Youtube!

No comments

Deixe seu comentário