Dicas de Xadrez: Como Avaliar Corretamente uma Posição

Durante uma partida de xadrez é fundamental que você avalie as posições críticas corretamente, concluindo quem tem vantagem. Desta forma você saberá qual o seu objetivo na posição: se deve jogar para igualar, se precisa atacar para manter a iniciativa ou mesmo trocar peças e ir para um final. Uma avaliação precisa é fundamental para direcionar seu plano de jogo. Neste artigo veremos os quatro passos essenciais para avaliar corretamente uma posição.

 

1- “Conte” o material

As peças no xadrez têm valores diferentes e naturalmente o primeiro elemento de uma avaliação é saber se um dos lados tem vantagem material. Este é considerado um elemento “estático”, pois não muda rapidamente. Jogadores experientes sabem exatamente como está o material durante toda a partida. Se for uma posição de análise (não uma partida própria), um bom enxadrista deve ser capaz de avaliar o material em poucos segundos.

 

 

2- Observe a estrutura de peões

A estrutura de peões é o elemento posicional mais importante de uma partida de xadrez. Devemos observar aqui qual lado tem mais peões no centro, quantas “ilhas de peões” cada jogador tem, se há peões atrasados, dobrados ou isolados, bem como colunas abertas e casas fracas. Esta análise fornecerá informações importantes sobre os planos para ambos os jogadores. Este também é considerado um elemento “estático”.

 

 

Combo Calculo folder

 

 

3- Observe a mobilidade das peças

Neste quesito você deve observar o posicionamento específico das suas peças e das peças do seu aniversário, observando se a alguma peça tem movimentação muito restrita e consequentemente se um dos lados deve tentar melhorar a colocação de suas peças. Esse fator também é muito importante para determinar o plano de jogo de ambos os enxadristas. Muitas vezes o segredo de uma posição é simplesmente reposicionar uma peça mal colocada ou então evitar que seu adversário faça isso. Este é considerado um elemento “dinâmico”, pois essa avaliação pode mudar em poucas jogadas.

 

4- Avalie a segurança dos reis

O objetivo do jogo de xadrez é atacar o rei adversário – naturalmente precisamos avaliar, portanto, a segurança dos reis. Em muitos casos, principalmente em posições de abertura, ambos os reis estão muito seguros e esse fator se torna temporariamente irrelevante. Em outras posições, entretanto, como no caso de roques em lados opostos, este fator é o principal elemento de avaliação.

Em uma situação em que seu rei está inseguro, ou em que o rei de seu adversário está vulnerável, a depender do nível de perigo ou de possibilidade de ataque que isso represente, esse fator pode se sobrepor a todos os outros. Isso quer dizer que, caso você esteja correndo risco de sofrer um xeque-mate, ou tenha a oportunidade de aplicar um ataque de mate em seu oponente, a mobilidade das peças, seus valores ou ainda a estrutura  de peões, como citamos anteriormente, deixam de ser prioridade em sua estratégia.

 

Conclusão

Esses são os elementos mais importantes para que você aprenda a avaliar uma posição de xadrez. Com o treino e o estudo constantes, você fará tais avaliações de forma quase automática, assim como os Grandes Mestres, que, em geral, não levam mais que alguns segundos para avaliar corretamente uma posição. Após ter feito uma avaliação correta, você está pronto para decidir seu plano de jogo e tentar evitar as ideias do seu adversário.

E você, o que leva em consideração para avaliar uma posição? Gostou das nossas dicas de xadrez? Deixe aqui seu comentário!

7 Respostas a “Dicas de Xadrez: Como Avaliar Corretamente uma Posição”

  • Arthur Godoi

    Grande Rafael! Vlw pelas dicas

  • FA WAUGHAN

    Brigado Rafael pelas dicas

  • Jair Valim

    Bom! Muito bom!!!

  • Adão Rosendo Amorim

    Gostei sim, muito válida... vou usar , ou melhor vou tentar usar,mesmo que demore irei tentando até atingir um tempo curto nesse aspecto.

  • Hildeberto neto

    Gostei!!!

  • Gustavo Aguiar Rocha da Silva

    Boa tarde.
    Em "Ajedrez de Entrenamiento"(terceira edição, 1972, Martinez Roca), Alexander Koblentz recomenda os quatro itens que você mencionou e mais dois: Controle de Espaço e o que ele chama de Questão dos Tempos.

Deixe seu comentário