Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Décima Rodada

Depois de 10 dias de muito xadrez, torcidas e emoções, a Olimpíada de Baku vai chegando ao seu final… Penúltima rodada finalizada. E hoje é segunda-feira! Dia de correria – e boletim sem nenhum grande tema. Mas nem precisa: temos Ivanchuk!

 

Resumo da Rodada

Os EUA venceram, e de forma relativamente rápida, o valente time da Geórgia de Baadur Jobava – que não passou do empate contra Fabiano Caruana. Também, não é para menos: Jobava se afastou da sua Abertura Veresov que havia lhe proporcionado duas vitórias contra DOIS campeões mundiais – Topalov e Ponomariov (sim, Ponomariov é campeão mundial. Reconhecido pela FIDE e tudo!) – e deu de jogar um careta 1.e4 (numa italiana ainda por cima…). As vitórias do time americano foram de Wesley So e S. Shankland – Levan Pantsulaia e Tornike Sanikidze foram as vítimas. O ponto de honra da equipe georgiana saiu de Mikheil Mchedlishvili contra ninguém menos que Hikaru Nakamura.

A Ucrânia também venceu um outro time valente: a República Tcheca de David Navara. Destaque para a vitória de Pavel Eljanov em cima do próprio Navara. Com esta vitória a Ucrânia mantém a segunda colocação – portanto, em teoria, ainda na briga com os EUA pelo primeiro lugar. Aliás, uma dúvida que surgiu no início desta olimpíada: por onde andaria Vassily Ivanchuk – o maior ídolo do xadrez ucraniano?

 

a-baku-ivanchick2

 

Disputando Olimpíadas desde 1988, Ivanchuk teve vários desempenhos memoráveis. Em 2010, por exemplo, “Chuck” marcou 80% dos pontos no tabuleiro 1 e fez uma performance de aproximadamente 2890 – o que garantiu não só o ouro de melhor primeiro tabuleiro, mas também o ouro da equipe ucraniana. Contudo, na Olimpíada passada Ivanchuk marcou apenas 4,0 pontos em 9,0 possíveis. Sendo assim, o gênio ucraniano resolveu abrir mão de sua vaga na seleção da Ucrânia desta vez. Mas o que ele estaria fazendo enquanto isso? Ora, jogando, claro. Ivanchuk está em Karpacz, Polônia, disputando um torneio… De Damas. Isso mesmo: damas. O Aberto de Karpacz está sendo jogado por 104 jogadores e após oito rodadas, “Chuck”, rating 1956 (na Dama, claro), está com três vitórias, um empate e quatro derrotas – 65ª colocação.

 

Calma: você não está vendo errado essas peças, não…

 

Voltando ao xadrez, a Rússia empatou um difícil match com a Índia e praticamente decretou que não será desta vez que irá desencantar na era d.K. (“depois de Kasparov”: o último ouro em Olimpíadas do time russo foi em 2002, na última Olimpíada do “ogro de Baku”). E mesmo a boa vitória de Vladimir Kramnik em cima de B. Adhiban foi ofuscada pela vitória de Pentala Harikrishna contra o próximo desafiante ao título mundial, Sergey Karjakin.

Em Inglaterra e Azerbaijão deu o time da Rainha, para o desespero da torcida local: 2,5 x 1,5.

E Canadá? De mansinho, foi chegando, chegando, e com a vitória de 3 x 1 contra a Letônia dá um importante passo para uma posição também histórica para o país – que é liderado pelo experiente GM Evgeny Bareev (que, na verdade, perdeu para outra lenda do xadrez: Alexei Shirov, o homem do “Fuego en el tablero” e que fez uma Olimpíada impressionante!).

 

a-baku

“Hummm…Acho que a equipe vai ter que se virar desta vez…”

 

Nem tão mansinha foi a vitória da Noruega contra o Irã: 3,5 x 0,5 e com direito a combinação arrasadora do campeão mundial Magnus Carlsen.

 

a-baku-carlsen

“Arrasadora? Joguei ao toque!”

 

Na “área” latino-americana o Peru venceu o Chile: 2,5 x 1,5. A Argentina venceu a Suécia por 3 x 1 e Colômbia repetiu o placar contra o Turquistão – só que pelo lado negativo.

 

As Equipes do Brasil

No feminino as meninas venceram a dura equipe de Montenegro por 3 x 1 e deram um passo decisivo para um feito histórico: melhorar a 44ª posição obtida na última Olimpíada. Segundo nossos matemáticos de plantão, provavelmente, apenas um empate na última rodada já deve ser suficiente para isso. Torcida total para nossas garotas amanhã!

Já o absoluto, no clássico Metrópole x Colônia, o Brasil não conseguiu repetir o “Grito do Ipiranga” e acabou empatando com nossos patrícios de Portugal. Rafael Leitão e Felipe El Debs empataram, enquanto Evandro Barbosa acabou sendo derrotado. A nossa vitória foi do matador Alexandr Fier, numa partida dramática. Sobretudo para a torcida: no lance 3 a transmissão da partida do brasileiro, em de todos os sites, parou e deixou todo mundo do lado de cá arrancado os cabelos.

 

aa-baku-fier-brasil

[A serenidade no olhar de quem dá emoção para a torcida de todo jeito: transmitindo ou não a partida]

 

O empate só não foi tão dramático quanto a recente guerra mundial que foi declarada entre os países. Isso mesmo: Portugal e Brasil estavam em guerra até pouco tempo atrás. E não estamos falando de colonização, não. É coisa muito mais séria: Trata-se do título de Capital Intergalática Memal (entenda tudo aqui). Mas, de toda forma, parece que a paz finalmente reinou entre os povos…

 

Próxima Rodada

EUA, Ucrânia e Rússia seguem na frente. Canadá, Índia, Noruega, Eslovênia, Inglaterra e, olhem só, nossos vizinhos Peru, além da Itália, completam a lista dos 10 primeiros.

 

  vitória   empate   derrota  TB1  TB2  TB3  TB4 
1EUA82018344,529,0126,00
2Ucrânia90118328,027,5128,00
3Rússia72116345,029,0125,00
4Canadá71215312,529,0116,00
5Índia71215291,025,5129,00
6Noruega71215277,524,5119,00
7Eslovênia63115273,526,5111,00
8Inglaterra71215269,024,5118,00
9Peru71215251,524,5114,00
10Itália63115247,025,0105,00

 

No feminino, a China lidera absoluta. Dois pontos à frente da segunda colocada, a Rússia. Polônia, Ucrânia, Índia, Hungria, EUA e Bulgária fazem uma grande salada pela terceira colocação.

Nos encontros da tão aguarddaa última rodada, teremos o seguinte:

EUA18:15Canadá
Ucrânia18:15Eslovênia
Rússia16:15Itália
Turquemenistão13:13Azerbaijão 1
Índia15:15Noruega
Peru15:15Inglaterra
Turquia14:14Geórgia
Grécia14:14Hungria
França14:14República Tcheca
Polônia14:14Espanha

 

No absoluto, o Brasil enfrenta a Áustria e no feminino, a Estônia. Embora o empate seja um bom resultado, a vitória poderia proporcionar um resultado histórico para nossas equipes. Vamos ficar na torcida!

 

#ProMateBrasil!

 

Combo Olímpico banner

 

Fontes:

Site Oficial

Chess Results

Chess Base (Ivanchuk)

 

Escrito por Equipe Academia de Xadrez Rafael Leitão 12.09.2016.

 

• Links relacionados:

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Nona Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Oitava Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Sétima Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Sexta Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Quinta Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Quarta Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Terceira Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Segunda Rodada]

[Olimpíada de Xadrez Baku 2016: Abertura e Primeira Rodada]

No comments

Deixe seu comentário